Close

Encontro de Quinta – Primavera Detox

ENCONTRO DE QUINTA (2)Primavera Detox

Detox agora, por quê?

Primavera é tempo de limpar, sim.

A Estação é propícia, o calor volta e traz mais movimento à natureza, à nossa vida.

E falem as más línguas contra as ondas detox, só a gente sabe o poder de uma bela faxina!
E porque não parar pra se cuidar, arrumar a morada interna, depois de uma longa temporada de recolhimento que foi o inverno?

Ideias a maturar, reflexões sobre a vida, escolhas a serem feitas, planos a executar.

Como almejar novos vôos sem se preparar? Para todo grande salto, é preciso impulsionar-se.

Estações e fases da vida

O inverno passou e deixou evidências do que precisava ser olhado, cuidado, limpado por fora e, principalmente por dentro.
Quem não percebeu ainda pode parar pra refletir sobre alguns aspectos não trabalhados em si e ao redor.
Com a chegada da primavera, é tempo do despertar interno, queiramos ou não. E, diante disso, porque não parar pra se perceber?

Velhos hábitos que não condizem mais com os sentimentos que provocam relações desgastadas que pedem resolução, a vida pedindo uma onda de motivação, autoproteção.

Depois que o Yin atingiu o seu máximo no frio, no vento, em tempos fechados de chuva e garoa pesada, eis que chega a primavera com tudo, já mostrando que os termômetros podem e devem subir.

Pois é, depois de se recolherem no inverno, as árvores agora produzem lindas flores, jardins em festa e anunciam a chegada do nosso florescer!
E como encarar esse desabrochar estando doentes, sem energia pra nada? Como aplicar novos projetos estando cheios de toxinas no corpo que impedem nosso livre fluir, nosso movimento tranquilo para seguir adiante?

Entendendo o corpo

A primavera é a estação pertencente ao fígado e à vesícula biliar, órgão e víscera que realizam todo o processo de quebra e dissolução de gorduras, de armazenamento de energia a ser gasta, de morada das emoções.

Além disso, segundo a Medicina Tradicional Chinesa, o fígado envolve a emoção da raiva, enquanto a vesícula abriga a capacidade de tomar decisões, aspectos psíquicos imprescindíveis de estarem em equilíbrio numa rotina tão exigente como a do mundo contemporâneo.

Diante disso é preciso perceber que nossos excessos alimentares e emocionais do dia-a-dia, recaem em pequeno, médio e longo prazo, sobre o fígado e em sua parceira de trabalho, a vesícula. E, uma vez intoxicados e sem condições de drenar os excessos, nossos órgãos começam a reverberar no corpo aquilo que não nos damos conta. Doenças que funcionam como uma luz de alarme sobre o que precisamos olhar com bastante atenção, problemas que se repetem, em ciclos viciosos, que parecem não ter o menor sentido.

Porque detox agora?

Nesta época do ano, mais especificamente a partir do dia 23 de Setembro, o organismo tem mais facilidade em eliminar as toxinas alojadas no fígado e na vesícula, bem como regenerar aspectos nutricionais em debilidade, proporcionando o fortalecimento interno.

Sendo a chegada da primavera uma ótima oportunidade de realizar os ajustes necessários na rotina e eliminar de vez muitos padrões de desarmonia internos que se manifestam através da pele, com a exteriorização de toxinas em alergias, psoríases, descamações e até inflamações. Também são mais propícias de serem tratadas as inflamações nas vias respiratórias como amigdalites, pneumonias, faringites, crises respiratórias com muita secreção seca.

Através desses cuidados também conseguimos evitar inflamações nas vias urinárias e também o agravamento de aspectos hormonais femininos, além de obter um equilíbrio emocional diante de problemas como o stress, a ansiedade, os surtos repentinos de raiva e até a falta de energia para colocar os planos em prática.

A hora é agora

Por isso, antes que tudo comece a entrar em uma maior ebulição interna, fica o convite para entrar em contato com uma nova forma de olhar seu próprio corpo através das mais variadas ferramentas da Medicina Tradicional Chinesa em casa uma dessas situações.

-Fitoterapia : Indicação do uso de compostos de ervas medicinais para o reequilíbrio e o fortalecimento orgânico.

-Dietoterapia: Indicação de alimentos com a térmica e os sabores específicos para cada organismo.

– Acupuntura: Estimulando os pontos relacionados a cada órgão no caminho do reequilíbrio, promovendo o livre fluxo de energia pelo corpo.

Diante disso, cabe a nós manifestarmos na prática, com todo carinho a nós mesmos, o amor e o cuidado com o que de mais valioso nos foi dado: a nossa vida.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: