Close

Leites

11079598_954430687924841_1447606093574845162_nVocê sabia que grande parte das inflamações que temos vem do consumo prolongado de leite?
Inflamações na garganta, catarros no pulmão, nariz escorrendo, sinusite, rinite, corrimentos esbranquiçados, amarelados, muco nas fezes, diarreias.
Passamos grande parte da vida achando que estes sintomas são fruto da mudança do tempo e sequelas das gripes e viroses que nos escolhem como vilãs.
Pois bem, vá aos poucos percebendo como são os dias regados a leite. Como está a sua respiração, pele, intestinos O nariz escorre? A tosse é constante?
Observe se, na calcinha, aparece aquela marca branca de cheiro forte ou, se na hora de ir fazer coco, haverá uma camada branca envolvendo as fezes.
Se nada disso acontece ainda, vigilância redobrada, tem algo sendo incubado dentro de você!
Pois é, nem a gripe, nem os resfriados escolhem aleatoriamente onde vão se instalar.
Elas elegem os organismos mais propensos a instalar seus vírus e bactérias. E onde será o melhor lugar?
Lugares bastante úmidos!
Ao passar pelos processos de industrialização e pasteurização, o leite perde suas principais proteínas que auxiliariam a absorção de cálcio pelo organismo, ficando apenas o que não conseguimos absorver e nosso corpo luta a todo custo em por pra fora.

Por isso, a ideia de que o leite é fonte de cálcio é mera ilusão, uma vez que cada vez menos nutrientes são absorvidos no consumo deste leite que chega aos supermercados com cada vez menos qualidade.

Como as crianças são as que mais sofrem as consequências e, além de leite, consomem diversas outras substâncias cheias de açúcar, corantes, óleos saturados, que deixam seus sistemas imunológicos gritando por socorro, precisamos urgentemente transformar esta cultura.

A maioria dos pais afirma que faria de tudo pra não ver seu filhote sofrendo com febre ou no hospital. Pois bem, chegou a hora de por em prática esse sentimento e evitar, ao longo do tempo, ciclos de 15 a 20 dias de antibióticos e anti-inflamatórios nos pequenos.
Segue abaixo algumas dicas de leites saudáveis que não inflamam por dentro e ainda fortalecem o processo digestivo.

Leite de aveia ou amêndoas:
Por de molho 5 colheres de Aveia ou Amêndoas em 1 copo de água e deixar de molho durante a noite.
De manhã, bater no liquidificador .
Está pronto o leite!

Pra fazer uma boa vitamina, pode ser germinada, junto com a aveia ou a amêndoa, 1 colher de semente de linhaça ou de chia e serem batidas juntas com as frutas como banana, abacate, morango ou abacaxi.

Quer engrossar a consistência? Acrescente uma colher de óleo de coco. Se for adoçar, prefira o mel.

Faça o teste e confira os resultados em sua saúde!

Autoria: Fernanda Toscano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: