Close

Medicina Tradicional Chinesa e a Saúde da Mulher

como-evitar-curar-colica-mentrualDe maneira bem simplificada, pela MTC nosso corpo é repleto da energia vital Qi. Ter boa saúde significa ter o Qi circulando livremente por todo corpo. Nossas potencialidades dirigem o Qi para setores essências, ou seja, o uso faz o órgão. O ciclo menstrual depende do equilíbrio do Qi das funções Rim (R), Baço-Pâncreas (BP) e Fígado/Vesícula Biliar (F/VB), que não são os órgãos como se conhece, mas funções com ações físicas, energéticas e emocionais.

O Rim, que filtra o sangue, também cuida dos ossos e articulações e da estrutura emocional (força de vontade); guarda uma energia preciosa vinda dos pais; cuida da medula e do cérebro e mantem a forma de tudo, inclusive do útero e ovários. O equilíbrio de Yin e Yang (opostos complementares que dão origem a tudo – aqui Feminino e Masculino) de todo o organismo está sob seu comando. O medo e o excesso de sal provocam a constrição dos Rins, e sua energia deixa de fluir naturalmente.

Conviver com o medo/insegurança por longos períodos irá trazer prejuízos ao organismo da mulher, assim como o uso excessivo de sal. Se ela for sedentária, o quadro piora.

O BP capta a energia Yin que vem dos alimentos; mantém o sangue dentro dos vasos; cuida dos músculos e da reflexão. Para seu bom funcionamento pede um ambiente aquecido. O hábito de bebidas geladas, sorvete, alimentos crus e uso de roupas que expõem a lombar ao frio e vento podem causar muita cólica menstrual, ovários policísticos ou miomas. O pensamento forçado também dificulta a fluidez do BP. Horas de concentração e trabalho associadas a uma rotina alimentar desregrada pode trazer distúrbios menstruais sérios.

A TPM aparece no desequilíbrio do F/VB que têm relação com os tendões e músculos (plasticidade), com o sangue e humores (hormônios), com as emoções e com o Vento que, em excesso, causa muitos desequilíbrios. As contrariedades congestionam o Fígado e pode levar a dor de cabeça, irritabilidade, raiva, insônia, agressividade. Madeira gosta de exercícios ao ar livre, do contato com a natureza, da contemplação e da criatividade.

O frio e a umidade externos podem agredir e penetrar o corpo. A umidade penetra nos meridianos dos membros inferiores (BP, R, F) e pode causar distúrbios no ciclo menstrual. As avós e bisavós sabiam que a menstruação poderia ser interrompida ao se lavar a cabeça ou pisar descalço o chão molhado (umidade no Baço).

Atitudes simples podem ajudar: regrar horário das refeições e usar alimentos mais naturais e frescos; reservar horas para a contemplação como passeio entre árvores observando a luz do sol e o canto dos pássaros; atividade que traga serenidade – meditação, massagem, tai chi chuan.

Observar mais o corpo e suas reações frente diferentes estímulos – calor/frio, secura/umidade, noite e dia, e reações aos alimentos – ajuda resgatar esse Yin tão essencial.

Em alguns casos, deixar de comer gelados e/ou muito salgados dias antes da menstruação pode reduzir as cólicas menstruais até seu desaparecimento. Isso é interessante e resolutivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: